Resenha - A Marca de Atena

A Marca de Atena, 3º livro da série Os Heróis do Olimpo, de Rick Riordan, conta a história dos 7 semideuses da profecia, que vão atrás da chave para a derrota de Gaia, seguindo literalmente a própria marca de Atena. É um dos livros mais esperados do autor, sem contar que podemos perceber que há o contraste do Percy em O Ladrão de Raios (1º livro da série Percy Jackson & os Olimpianos) com o Percy de A Marca de Atena, sim, são a mesma pessoa, por isso a analogia.


Este livro mostra como os personagens cresceram e amadureceram, e também mostra como a vida de um semideuses pode ser difícil e turbulenta, fazendo com que pensem em até ter um pouco de sossego, casar e terem filhos, sem monstros no caminho para dificultar suas vidas. Vale lembrar que o desfecho é impressionante e surpreendente.
  • Pode conter spoilers
Para seguir A Marca de Atena, eles precisam passar por um lugar onde nenhum semideus ousa ir, em suas origens, ou seja, Roma e Grécia, lugares onde a morte é inevitável. Com o passar da história, uma coisa horrível irá acontecerá com Nico se eles não chegarem à tempo em Roma, para salvá-lo, enquanto 6 dos 7 semideuses tentam o salvar, a nossa querida filha de Atena, Annabeth, é a única que pode seguir a marca da mãe, que logicamente existe uma profecia para isso. Como uma continuação dos outros livros, A Marca de Atena é uma ótima leitura para quem gosta de aventura e ação, principalmente para aqueles que gostam de um mistério à cada página.

Resenha por: João Pedro Zambom
Editora: Intríseca
Share on Google Plus