TOP 10: Motivos para assistir Orphan Black.

O FUTURO É FEMININO! 

Uma das séries mais queridas do público acabou nesse sábado (12), mas separamos dez motivos, para você que ainda não assistiu a série começar a assistir. 


SINOPSE: Orphan Black é uma série de televisão canadense de ficção científica, criada por Graeme Manson e John Fawcett, estrelada por Tatiana Maslany como várias pessoas idênticas que são clones. A série centra-se em Sarah Manning, uma mulher que assume a identidade de outro clone, Elizabeth Childs, depois de testemunhar o suicídio da mesma. A série levanta questões sobre as implicações morais e éticas da clonagem humana e seus efeitos sobre questões de identidade pessoal.  

Agora vamos aos motivos para assistir: 

1) TATIANA MASLANY.

Além de interpretar, pegar, ser, matar metade do elenco, Tatiana faz tudo com extrema perfeição, Tatiana Gabriele Maslany é uma atriz canadense. Na série Orphan Black atua como a principal de vários personagens através das quais a história se desenvolve - o Clone Club, formado por Sarah Manning, Alison Hendrix, Helena e Cosima Niehaus; e vários outros personagens, como Beth, Tony, Katja, Jennifer, Rachel, Veera (MK ou Mika) e Krystal - o que lhe rendeu um Emmy de melhor atriz em série de drama.


2) AS LEDAS.

São as clones mulheres, conhecidas como Leda. Abaixo uma explicação de quatro delas:


Cosima Niehaus: Uma excêntrica mulher nascida em San Francisco, Cosima é uma jovem genial com um coração de ouro. Envolvida em problemas em sua vida pessoal e com uma doença crônica devido ao vírus congenital do Projeto LEDA, Cosima é marcada por uma jornada difícil em Orphan Black.










Sarah Manning: Mãe de Kira, filha adotiva de Mrs. S e irmã emprestada de seu melhor amigo e braço direito Felix, Sarah é o coração de Orphan Black. Inicialmente atraída para uma rede conspiratória de clonagem humana por um um propósito imoral (assumir a identidade de Beth e tomar o seu dinheiro), Sarah acaba desenvolvendo uma ligação intensa com suas irmãs clones e se tornando o elo que as une e mantêm vivas.








Rachel Duncan: Filha da Neolution, Rachel Duncan é um membro esperto do Projeto LEDA com vínculo próximo de seus criadores no Dyad Institute. Rachel é o único clone LEDA que se mantém antagonista, apesar de vislumbres de humanidade que partem o coração.










Alison Hendrix: Uma mãe e esposa elétrica, que esconde um comportamento violento e desequilibrado sob a aparência de dona de casa, Alison é um dos membros mais adoráveis do clone clube. Assim, ela não se furta de pôr a mão na massa, seja fazendo o próprio marido de refém, seja traficando drogas para financiar uma eleição na escola. 







3) PROJETO LEDA:

É claro que não podemos falar das Ledas sem falar do projeto a qual elas estão envolvidas, esse projeto consiste em evoluir a raça humana, usando cobaias femininas. Para isso, eles pretendem testar nessas mulheres o máximo de ciência possível.

Imagem: People Exclusive

4) PROJETO CASTOR.

Esse projeto é liderado por militares, com o mesmo objetivo do projeto Leda, o projeto castor usa cobaias masculinas. Ari Millen dá vida aos outros clones masculinos criados pelo Projeto Castor. Ele interpreta Mark Rollins / Rudy / Soldado Miller / Seth / Parsons / Ira Blair

Divulgação: BBC AMERICA


5) PERSONAGENS SECUNDÁRIOS.

Pois nem só de Tatiana é feita a série, o elenco é sensacional e vai de nomes como Jordan Gavaris (Felix) até Matt Frewer (Dr. Aldous Leekie). O elenco ainda conta com nomes como Dylan Bruce como Paul Dierden, Kevin Hanchard como Detetive Arthur "Art" Bell, Michael Mando como Victor "Vic" Schmidt, Évelyne Brochu como Dra. Delphine Cormier, Maria Doyle Kennedy como Siobhan Sadler / Sra. "S", Kristian Bruun como Donnie Hendrix, Josh Vokey como Scott Smith, Skyler Wexler como a pequena Kira Manning, Andrew Gillies como Ethan Duncan, Peter Outerbridge como Henrik "Hank" Johanssen, Zoe De Grand'Maison como Grace Johanssen, Kyra Harper como Virginia Coady, Rosemary Dunsmore como Susan Duncan, James Frain como Ferdinand Chevalier e Stephen McHattie como P.T. Westmoreland.

Foto: EW


6) ROTEIRO.

Em resumo é uma história sobre proteger aqueles que amamos, e as consequências que nossos atos tem na vida de todos. Uma série que tem como foco várias personagens mulheres destrói, literalmente, alguns vilões e padrões de uma sociedade machista.


7) PRÊMIOS:

Orphan Black venceu alguns prêmios até agora, veja a lista:


  • Critics' Choice Television Award - Melhor atriz de série dramática
  • Television Critics Association Awards - Melhor atuação em série dramática
  • Young Hollywood Awards - Melhor atriz
  • EWwy Award - Melhor atriz de série dramática
  • Tubey Award - Melhor série dramática
  • Tubey Award - Programa mais subestimado
  • Emmy Award - Melhor Atriz em série dramática


8) REPRESENTATIVIDADE

Além de ser uma série que aborda o feminismo, também aborda outras questões como orientação sexual, intolerância religiosa, racismo ... É A SÉRIE VIU QUERIDOS? Além disso a série nos mostrou dois casais maravilhosos que infelizmente não foram o foco do show, mas mesmo assim brilharam e muito!




9) OS MITOS (CASTOR E LEDA)

A série é toda baseada em mitos gregos,

Um deles é o seguinte: Leda, a esposa do rei Tíndaro, de Esparta. Certa vez, Zeus transformou-se em um cisne e seduziu-a. Dessa união, Leda chocou dois ovos, e deles nasceram Clitemnestra, Helena, Castor e Pólux. Helena e Pólux eram filhos de Zeus, mas Castor e Clitemnestra eram filhos de Tíndaro. Perceberam? Tudo é Tudo!

10) NETFLIX.

Então depois de todos esses motivos, você ainda quer mais um para realmente te convencer? Pois bem, a série está disponível na NETFLIX! Todos os episódios, das cinco temporadas! Então corre lá e depois venha contar para nós a sua experiencia no clone club!

Share on Google Plus

0 comentários: